E-commerce e as tendências para 2019

E-commerce e as tendências para 2019

Saiba como usar o e-commerce a seu favor para aumentar as vendas

No início dessa década, eles começaram tímidos. Com o passar dos anos, foram tomando corpo e no último quadriênio chegaram com força, tornando-se potentes ferramentas de compras online.  

E não se preocupe, os conhecidos e-commerces ou lojas online ainda deverão existir por um longo período, até os experts criarem uma nova modalidade de compras online. Prova disso, são os levantamentos mostrando que cada vez mais as pessoas estão gastando dinheiro em lojas online, em vez de visitarem lojas físicas.

São vários os motivos que impulsionaram o surgimento das lojas online. Pode ser pela comodidade disponibilizada para o consumidor; uma relação de confiança maior e fortalecida com os clientes; praticidade de gestão e de implantação de estratégias de vendas; entre outros.

Por tudo isso, você já parou para pensar quais as estratégias que pretende aprimorar ou criar para estar dentro dessa forte tendência do mercado?

O crescimento das compras online no Brasil

Segundo matéria publicada no site Infotecblog, em 2017, o cenário de e-commerce no Brasil teve um aumento de 12% em relação ao ano anterior, com um faturamento de 59,9 bilhões de Reais (dados da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico -ABComm).

Quanto a 2018, houve um aumento de 12,5%, no número de e-commerce, com um faturamento de aproximadamente 23,6 bilhões de reais, apenas no primeiro semestre.

Mesmo com todas essas facilidades e notícias favoráveis ao segmento, também existem os contras no mundo dos e-commerces. Estamos falando de um mercado valioso e ainda com muitas chances de explorar. Porém, não podemos esquecer que esse crescimento também significa que há um grande número de concorrentes tentando atrair os mesmos clientes que você.

Esse lado obscuro do universo digital das compras mostra que está se tornando extremamente difícil de gerar vendas em e-commerces, especialmente sem um alto orçamento para marketing e publicidade. Isso acontece porque existe uma concorrência muito grande no mercado, com muitas lojas online e marketplaces.

Mas você precisa sobreviver nesse nicho, manter seu negócio vivo e vender bastante, certo? Ainda bem que existem algumas estratégias para aumentar as vendas do e-commerce sem gastar muito dinheiro. A K2B poderá te ajudar nessa empreitada, com algumas dicas de ouro para alavancar as suas vendas.

Veja a seguir como você pode gerar 15 vezes mais vendas com seu e-commerce!

Entenda as necessidades do seu cliente

Existe um tripé essencial para aumentar as vendas do e-commerce. A primeira forma seria por meio do tráfego; a segunda é aumentando a taxa de conversão e a terceira, em manter a frequência de vendas para um mesmo cliente.

Para colocar em prática qualquer uma dessas estratégias, é preciso fazer um estudo de comportamento do público em relação ao site/loja. Esse estudo deve estar direcionado ao comportamento do cliente com o produto e marca, hábitos de compra em geral e atitudes no dia-a-dia, em casa, trabalho e até mesmo com amigos.

É importante analisar qual o comportamento do cliente dentro da sua loja. Veja como está o índice de abandono de carrinho, repita o processo que seu cliente faz e tente entender o que está impedindo que ele efetue a compra. A maneira como melhorar o e-commerce é entender o que está causando dificuldade para concluir a compra.

Melhore a performance do tráfego

Pensar em fazer crescer o tráfego de forma desordenada, visando apenas o crescimento de visitas, certamente provocará a queda da taxa de conversão. E o dinheiro e o tempo investidos, para ter maior número de acessos, não resultarão em vendas.  

Lembre-se, a intensidade de tráfego da sua loja está diretamente ligada ao resultado das vendas. Por isso, a maioria dos lojistas digitais dedicam boa parte do orçamento e tempo para aumentar o número de visitas em seus e-commerces. Essa estratégia não deixa de ser eficiente, mas para obter resultados palpáveis, o público tem que ser qualificado.

As técnicas orgânicas para alcançar um público qualificado e que possui maior probabilidade de compra, são as melhores opções para aumentar os acessos de uma loja online. Acompanhe nossas dicas no próximo tópico sobre esse assunto.

Otimize para aumentar os acessos

Se o objetivo final do seu negócio é vender mais produtos, antes disso, é necessário fazer alguns ajustes. O primeiro é que a sua loja e seus produtos precisam ser facilmente encontrados no universo web. E, sim, é possível alcançar excelentes resultados através do trabalho de SEO (Search Engine Optimization/Otimização dos Motores de Busca), se adaptados às páginas dos produtos.

No caso da otimização dos produtos na loja, é preciso ter cuidado extra, como a implantação de ferramentas que deem mais atenção a cada item, fazendo com que sejam encontrados facilmente no Google.

Outros pontos importantes são: adicionar título da página e descrição, personalizar a URL da página e as descrições de cada imagem (all text).  Assim, ajudam a ter um significativo posicionamento no Google Imagens e atrai mais acessos.

É importante ser bem objetivo e assertivo nos descritivos dos produtos, por isso, escolha palavras chave certas e as inclua no meio do texto. Explique a funcionalidade do produto e as vantagens de obtê-lo. Lembre-se, quanto mais assertivo for, mais os motores de busca vão direcionar o internauta para a sua página.   

Tenha um Blog

O Blog ainda continua sendo uma ferramenta inteligente para aumentar o tráfego da sua loja online, por meio do uso de palavras-chave otimizadas.

Os textos ou blog-posts, criados de acordo com o seu nicho, ou seja, segmentados com os produtos comercializados na sua loja, ainda são as melhores alternativas para atrair o público certo (todos que estão à procura de informações sobre os produtos que são vendidos na sua loja).

Repare que essa estratégia, além de ajudar a vender, está ajudando o seu público a obter informações completas e ainda gerando reciprocidade com o cliente.         

Use a criatividade e alavanque suas vendas!

5 razões para sua empresa investir no Pós vendaVocê sabia que o Pinterest é uma plataforma que está ajudando muitos empreendedores digitais na geração de vendas em suas lojas online?

Algumas marcas de e-commerce, como a Wall Needs Love, conseguiram usar o Pinterest para gerar 94% do tráfego de redes sociais deles. Para ter ideia, até o maior influenciador da web no mundo, Neil Patel, usou a plataforma para gerar 328% mais vendas a seus clientes de e-commerce, com o novo recurso de Pins Compráveis.

O Pin Comprável é um recurso do Pinterest que permite aos usuários comprarem seus produtos diretamente no Pinterest, sem precisar sair de lá. Trata-se de um sistema de integração onde as pessoas podem pesquisar e comprar diretamente na plataforma e, o que é melhor, funcionam perfeitamente no mobile.

Outra questão que pode muitas vezes atrapalhar as vendas no e-commerce é o processo de pagamento. Uma vez que você obteve um usuário pronto para comprar, você precisa certificar-se de que tem todas as ferramentas necessários para finalizar a venda.

A falta de opções de pagamento na hora do checkout é um dos principais motivos para o abandono de carrinho.  Por isso, ofereça variadas opções de checkout, no que for possível.

Fontes:
https://neilpatel.com/br/
https://www.ecommercebrasil.com.br
https://www.mundipagg.com
https://www.dlojavirtual.com
https://ecommercenews.com.br
https://www.ecommercebrasil.com.br
https://freesider.com.br
https://pt.wix.com